Notícias

JULITO E O AMOR DE MÃE JÁ NAS BANCAS


Julito e o Amor de Mãe é a mais recente obra literária de autoria de Elsa Barber, actual Secretária de Estado para Família e Promoção da Mulher, lançada nesta segunda-feira (14/06) em Luanda, em acto prestigiado pela Primeira Dama da República, Ana Dias Lourenço, a Ministra da Acção Social, Família e Promoção da Mulher Faustina Alves, entre outras individualidades do aparelho do estado e da sociedade civil.

O livro retrata a história de um menino com albinismo, filho de uma mãe com deficiência nos membros inferiores que se dedicava a venda ambulante de vários produtos agrícolas para o sustento da família, mas com espírito empreendedor. Julito é o menor de três irmãos, estudioso, dedicado a religião e ao empreendedorismo como forma de ajudar a sua mãe.

A obra com 45 página, é um exemplo de superação, vitórias e resiliência de uma família que fez das dificuldades uma oportunidade para o mundo de empreendedorismo, investigação cientifica e humanismo.

O presidente da Associação de Apoio as Pessoas com albinismo, Manuel Domingos Vapor na sua intervenção elogiou a iniciativa da escritora com três obras no mercado literário e pediu que imagens e informações sobre as causas do albinismo fizessem parte dos programas curriculares e nos livros académicos do ensino primário, como forma de acabar desde muito cedo com o estigma e descriminação de que são alvo.

Apelou ao Ministério dos transportes para criar formas de subvenção dos bilhetes nos transportes públicos, inclusão e mais atenção no sistema de saúde.

A Secretária de Estado para Família e Promoção da Mulher e autora da obra, Elsa Barber realçou que as pessoas com albinismo devem continuar no centro das prioridades do Executivo Angolano, razão pela qual lançou a obra para incentivar outros escritores a escreverem histórias sobre este segmento da sociedade.

Elsa Barber disse que a obra é de uma mãe para todas as mães angolanas, sobretudo para aquelas que ainda sofrem com o estigma, descriminação e injustiças de que são alvo os seus filhos. Acrescentou que a família deve jogar um papel importante na salvaguarda dos direitos e protecção das pessoas com albinismo.

A primeira Dama da República Ana Dias Lourenço que prestigiou o acto, assegurou que o albinismo será mais uma causa social que vai abraçar e apoiar a luta contra todas as barreiras ainda vividas nos vários sectores da Vida Nacional.

 

Download: els_156664110460d240fb2a3eb.jpg (B)
    •  


Voltar