Notícias

Rede de Mediatecas forma 1000 jovens

Jornal de Angola
A formação, que encerrou ontem, em Luanda, decorreu em 14 localidades e envolveu nove Mediatecas provinciais e quatro móveis. O Cantinho Americano, no município do Cazenga, organizou os programas. 

A embaixadora dos Estados Unidos em Angola, Nina Maria Fite, lembrou a importância da aprendizagem precoce até à idade adulta. Frisou que a literacia digital se tem mostrado grande promessa de sucesso e ferramenta valiosa para a aprendizagem ao longo da vida. "É um programa que influencia as novas tecnologias nos negócios e a principal razão para as novas exigências”, adiantou, sublinhando que, desde 2015, a Embaixada e a REMA estão associadas para proporcionar à juventude recursos e as actividades de aprendizagem da Língua Inglesa, aconselhamento universitário e programas culturais, para apoiar o alargamento das oportunidades para os angolanos.

O secretário de Estado das Telecomunicações, Mário Oliveira, agradeceu à Embaixada dos Estados Unidos em Angola, o contributo na formação de jovens angolanos, para que possam ganhar o primeiro emprego.Mário Oliveira disse que  "Literacia Digital é o futuro, educação, desenvolvimento e o progresso de uma Nação que quer o bem-estar social”. Para o secretário de Estado, é preciso aproveitar o "novo normal”e expandir a formação e Tecnologias de Informação e Comunicação.


Voltar